Páginas

janeiro 27, 2010

Socorro, eles querem voar!!


Parece que foi ontem que nasceram, lindos, tão pequeninos e indefesos, tão dependentes de nos, tão carentes de atenção e cuidados e agora...continuam lindos, mas crescidos, foram ganhando e fortalecendo identidades próprias, mais independentes (demais para o meu gosto de supermãe), tão seguros e se achando os Reis da Cocada Preta (eta comentário antigo!). Nem percebi quando comecei a me sentir menos necessária (péssimo) para o banho, as refeições, o vestir-se sozinhos, calçar e amarrar os sapatos, as lições de casa que eu não consigo mais acompanhar, e as perguntas (quase interrogatórios) que foram caminhando pra uns papos-cabeça....pois e’ as vezes olho e sinto um orgulho enorme de tanto progresso, quase uma sensação de “tarefa cumprida”, pelo menos ate aqui.


Ao mesmo tempo, nem consegui assimilar esses traumas (porque ‘e um trauma essa tal independência que a gente ensina), e eles já estão querendo ir mais longe...
É um tal de: – Mãe, deixa eu vir sozinho da escola?, - Mãe, sábado vou pra cassa do Fulano!, - Mãe, me deixa no cinema sexta a tarde?!, - Mãe, deixa eu ir ao show do AC/DC?, Vai tooooodo mundo que eu conheço (esse e um argumento muito usado), e por aí vai, e cada vez querem avançar mais um pouquinho.



Nessa hora eu gostaria de saber de quem é aquela frase: “Os filhos a gente cria pro mundo!”. Os meus não, não são do mundo, são meus!!!! Aí, eu paro tudo, penso, reflito, ligo pras amigas, divido minhas angústias, recorro a minha mãe e chego sempre a uma conclusão: Não dá mais pra segurar, eles vão continuar crescendo (que peninha...), não dá pra criá-los no nosso mundinho pra sempre!

Não quero nem imaginar que daqui a pouco uma louca vai entrar na vida deles e roubar um coração que era só meu e eu ainda vou torcer para que elas os façam ainda mais felizes que eu fiz. Bom, isso eu penso depois...
E é assim que a gente segue, cedendo aqui, proibindo ali, segurando por um lado e soltando por outro, fazendo negociações, concessões e aos poucos nos soltando! Sempre tudo bem explicadinho, com carinho. E os meus medos e inseguranças? Ah, esses eu engulo todos, respiro fundo, entrego na mão de Deus (porque daqui pra frente só Ele), afinal de contas os medos são meus!

Então, já que não tem outro jeito, é melhor ajudá-los nessa nova fase, acreditar que tudo que foi feito até agora vai render bons frutos, e assim iremos todos juntos crescendo e nos tornando cada vez melhores...

....Até que um dia, em determinada hora, eles vão decolar sozinhos e nós claro, aqui, firmes e fortes torcendo, dando aquela mãozinha, aquele empurrãozinho e babando sempre!!



É, eles vão voar, mas que demore muiiiiiiiiiiito e que me levem de carona!!!






Beijos






Cristina Joao

Fotos: detudo.xn.blog.br/de-tudo-esclarece-de-onde-v..., http://emodance.files.wordpress.com/2009/10/baby-wallpaper2.jpg e http://epoca.globo.com/edic/399/extraanima05.jpg

5 comentários:

Samille disse...

ah que lindo, chorei,rs.
Meu pai está passando por isso mais intensamente, pq 2 filhas (eu e minha irmã) já estamos falando de casamento - ele até disse para não casarmos e vivermos com ele para sempre!rs

mas imagino como deve ser, imagino como será comigo.

que desespero né?

mas alguém sábio também disse: quanto mais livres, mais presos a nós.

um abraço!
samille

Luciana Casado disse...

Obrigada, Cris!!
Por me prestigiar e acima de tudo, não me julgar!
Bjus de coração, Lu

c r i s disse...

Oi Cris, puxa tá difícil de escrever com os olhos rasos d'água...é tão difícil vê-los escorrendo feito areia entre os dedos, né? Aiai, mãe é assim mesmo!
Adorei passar por aqui, obrigada pela visita, volte sempre...aceita mais uma japa como amiga? Bjo!

ALICE CAMARA disse...

OI CRIS...
QUE MAIS PURA VERDADE VOCÊ ESCREVEU... CHEGA ME DEU UM TREMENDO WAKE UP CALL... OPS UM DIA ISSO VAI ACONTECER COMIGO... E EU COMO FICAREI NESSA??? O MEU POR ENQUANTO SÓ TEM 2 ANINHOS... MAS LOGO LOGO VAI ESTAR GRANDE E INDEPENDENTE... E EU COMO VOU ME ADAPTAR A CADA NOVA FASE DE SUA VIDA? AIAIAIAIAI
AMIGA... QUE VERDADE ESSA!!!
BJS

Tecendo Histórias disse...

Lindinha, adorei- como de costume...!
Imagine quando o meu "pequeno" arrumou as malinhas e foi pro 1º festival de música em SJ do Rio Preto (looooooooooonge !!!) e ficou por lá 2 intermináveis semanas ? Quase surtei ! Agora isto se repete com uma frequencia maior, claro...e é um tal de "torpedo pra lá e torpedo pra cá..." E preciso me preparar ( será que consigo ???) pois os vôos estão cada vez mais audaciosos...Qualquer coisa já sei com quem me consolar : vocês ! Bjs ! Betty

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Tem mais disso

Related Posts with Thumbnails