Páginas

junho 03, 2011

Boneca de Pano - ALERTA

Daí que Boneca de Pano é sempre a solução. Eles usam mais a imaginação, não se machucam, não machucam os amigos e principalmente: não correm risco de vida.

Oi?

Assim: Eu ainda não era casada, mas já era mãe do PP com 1 ano e pouco, quase 2.
Morava com meus pais e irmãos. A casa viva cheia. tanto de moradores, quanto de amigos que nos visitavam diariamente (nos o escambal, iam brincar com o Pedrinho mesmo!).

Naquele dia, não havia niguém. Era um sábado e cada um tinha o que fazer na rua. Inclusive meus pais que foram a um casamento e por isso desligaram o celular.
Aaaaaah... O Celular...

Foi ele!

Eu estava no telefone fixo com minha tia e o PP brincando bem atrás de mim, com um celular de brinquedo, made in China. Aqueles que apesar de super coloridos, têm luzinhas e musiquinhas chatérrimas. Movido a 3 baterias redondinhas iguaias as de relógio.

Filhas da mãe!

Como elas são filhas da mãe! O PP ainda tava na fase de não saber brincar como cada brinquedo pede, então batia no chão várias vezes. O que fez com que os parafusos que prendiam as baterias soltassem e elas também.
Menores que uma moeda de 10 centavos, o que ele se encantou e sumiu com uma delas. eram 3!

Foi aí que o instinto materno falou mais alto, fez com que eu desligasse o telefone e o levantasse. Uma ele segurava na mão, a outra estava no chão e a terceira eu não quis nem saber, peguei a chave do carro, o Pedro e minha fé em Deus e segui na contramão até o hospital mais próximo.

Foram 40 minutos entre eu perceber, o raio X, a internação, anestesia geral (ele tinha mamado a menos de 3 horas e corria o risco de aspiração) e a endoscopia. Esse tempo foi o suficiente pra bateria encostar na parede do estômago e começar um pequeno machucadinho.

Passamos a noite em observação, só por precaução.

Agora? Tá tudo ótimo, isso já faz 7 anos e não sobrou nem lembrança (NELE, QUE FIQUE CLARO!), mas aqui em casa, apenas brinquedos educativos sem bateria.
Porque são meninos, se não entrariam apenas apenas BONECAS DE PANO!

Fica o alerta!

Por Janaína

5 comentários:

Tays Rocha disse...

Amiga, eu sou super neuras, apesar do Leo nunca ter me dado susto algum, ele mal colocava as coisas na boca... mas a gorda... futuca as coisas com aqueles dedinhos gordinhos, cata farelinhos prá colocar na boca (muito fofa!!!!!!!!) eu sou super atenta com ela e tbm evito tudo o que possa se soltar, ontem ela estava abocanhando o nariz da joaninha gordona dela... kkkkkkk. Mãe sofre... Beijocas ♥

Micheli disse...

Nossa, que susto!
Ainda bem que você foi rápida. Com criança todo cuidado é pouco mesmo.
A minha que eu jurava que não era dessas coisas me apareceu com uma bolinha de isopor no ouvido. Foi o pediatra que desconfiou e a otorrino que tirou. Contei no blog. E já devia estar lá há muito tempo, pelo estado... Perigo, perigo!
Beijos.

Daniele disse...

Sabe que o gugui nunca teve o hábito de colocar as coisas na boca, nem quando bebê, ele sempre pegava e me entregava, sempre. Agora, grávida outra vez (e considerando que cada um tem um jeito, independente de criação) vou ter que reforçar os cuidados neste sentido. A Isa terá muitas bonecas de pano. Mas sabe, que mesmo sendo menino, Gugui tem uma família inteira de pano, fantochinhos, carrinhos. E tudo que leva pilha ou bateria é utilizado devidamente supervisionado, melhor não arriscar né?

beijocas

Ana Cristina disse...

Jana, que susto!! O Pedro acabou de ganhar um destes terríveis telefones na pesca da Festa Junina da escola. Vou sumir com isto daqui já!!

Beijos

Ana Cristina

Mãe Mochileira, Filho Malinha.. disse...

nossa,que sustoooo..vou voando fazer uma limpa aqui em casa,agora!!
:-O

beijos!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Tem mais disso

Related Posts with Thumbnails